No dia 19 de junho, quarta-feira, os alunos das escolas municipais de São Joaquim/SC fizeram uma visita escolar em Florianópolis, a capital dos catarinenses.

   Em projeto organizado pelo Prof.º Gustavo Borges de Souza, os alunos do 9º ano de oito escolas municipais: EBM Aristides Ribeiro de Medeiros, EBM Jarbas Amarante Ferreira, EBM Jurema Hugen Palma, EBM Domingos Pereira Portela, EBM João Inácio de Melo, EBM CAIC Fúlvio Amarante Ferreira, EBM Atíllia Cechinel Nezi e EBM José Saturnino de Souza e Oliveira estiveram em três lugares muito importante para a história, a política e a administração catarinense.      Pela Manhã, a visita foi na ALESC – Assembleia Legislativa de Santa Catarina, onde puderam conhecer a casa, sua história, salas, o plenário e, também, alguns gabinetes de deputados. Um gabinete marcante foi o do Deputado Marcius Machado da vizinha cidade de Lages, e que tem um forte compromisso com a Educação catarinense. Lá os alunos conheceram a rotina de um deputado, como funcionam as casas legislativas do país e também sobre as demandas que chegam. Conheceram também, uma figura muito especial, Allanis, a cadela parlamentar do Deputado. Ela encantou a todos, e rendeu muitas fotos.

  Após o almoço, seguimos para o centro da capital, para visita no Palácio Cruz e Sousa – o Museu Histórico de Santa Catarina. Os alunos ficaram deslumbrados com cada detalhe, cada móvel, e claro, toda a história que se passou naquelas paredes.

Por fim, e nem um pouco menos importante, foram até a Casa d’Agronômica – Residência Oficial do Governador de Santa Catarina. Os alunos estavam muito ansiosos para conhecer onde o Governador Carlos Moisés e a sua esposa, Kesia Martins moravam. Os alunos, em parceria com a EPAGRI de São Joaquim levaram duas mudas da Goiabeira Serrana, que foi um pedido do próprio Governador Moisés quando esteve na Festa Nacional da Maçã, em maio deste ano. O plantio destas mudas foi acompanhado pela Primeira-dama do Estado, Kesia Martins, que com a sua simpatia, encantou a todos.

Com uma visita guiada pelos jardins da casa, os estudantes andaram e tiraram muitas fotos, acompanhados das guias que contavam todos os detalhes. Dentro da casa, os olhos dos alunos se mantinham em casa detalhe do chão ao teto. Com uma arquitetura espetacular, a residência vai de uma antiguidade a modernidade em um piscar de olhos. Passando pelo gabinete do Governador, tiraram muitas fotos, inclusive na “cadeira do comandante” do Estado. A alegria dos estudantes era clara. Andando pela casa, conhecendo as salas, salões, espaços importantes, onde neles são tomadas decisões importantes para o Estado.

A curiosidade dos alunos era grande, e tudo era perguntado, como por exemplo, se o governador assistia televisão, que comida ele preferia, como era o final de semana (…). Saindo de dentro da casa, fomos ver o heliponto da residência, e depois, a pedido da Primeira-dama, fomos conhecer a horta da casa, onde nada é comprado, tudo é plantado e cultivado ali mesmo. A visita foi para o seu encerramento com o delicioso café oferecido pela casa aos nossos estudantes, que até então não tinham encontrado o Governador Moisés.

Após o café, se dirigindo para dentro da casa, aguardavam ansiosos o termino de uma reunião do Governador. Por volta das 18h, o momento mais esperado chegou: o Governador Moisés, acompanhado da Primeira-dama Kesia chegaram para o encontro com os estudantes joaquinenses. Cumprimentado pelos professores, disse que ficou muito feliz pela visita. Os alunos entregaram ao casal uma placa de agradecimento pela acolhida, maçãs e sucos de São Joaquim, um livro sobre a Serra Catarinense com mensagem e assinatura de todos os alunos e professores, e um mimo também para a Primeira-dama, um móbile de artesanato. Eles adoraram os presentes. Com características de uma simpatia inigualável, o casal tirou “selfs” e fotos com todos os alunos e professores.

Após esse histórico e importante momento para os alunos das escolas municipais de São Joaquim, retornaram para São Joaquim com o coração cheio de alegria pela oportunidade única que tiverem nesse dia.

Para o responsável pelo projeto, Prof.º Gustavo, a visita a estes lugares vão muito além de notas escolares e trabalhos avaliativos: “quando questionaram o intuito da viagem, disse sempre que em primeiro lugar seria uma viagem de oportunidades, de experiências e de conhecimento. Para além de esgotar conteúdos e avaliar os alunos, a viagem aconteceu para marcar a história dos nossos estudantes. Deixar marcas: essa é a missão dos professores. Aliás, nobre missão, disse”. O testemunho dos estudantes era de alegria, ansiedade e privilégio em conhecer esses lugares e pessoas importantes de nosso Estado.

Que outras muitas oportunidades venham, e que o olhar para a Educação seja através de iniciativas como esta, que para além da sala de aula, atingem o coração dos estudantes. Se os estudantes mudam, a Educação muda.

 

Prof.º Gustavo Borges de Souza