A procura pelo Centro de Triagem em São Joaquim teve um aumento significativo nos últimos dias, mais de 120 pessoas estão sendo atendidas diariamente. O fato é preocupante com esta demanda os casos também aumentaram. E também houve um aumento na contaminação dos profissionais de saúde.

Em relação ao último boletim emitido pela Secretaria Municipal de Saúde na sexta-feira (07) houve o aumento de 35 novos casos de Covid-19 em São Joaquim, após as confraternizações de final de ano famílias inteiras têm procurado a triagem.

“A partir da hora em que o paciente procura a triagem ele deve se manter isolado, pois já é considerado suspeito de ter contraído a Covid-19, dispensamos os medicamentos no ato do atendimento para que as pessoas não precisem ir na farmácia e correr o risco de contaminar alguém, disse a enfermeira do Centro de Triagem, Luciana Costa.

Outro fato que merece destaque é que as pessoas estão procurando fazer o teste antígeno que também é coletado por cotonete, pelo fato de o resultado sair mais rápido, só que a maioria está vacinada ou quem já teve Covid-19 então esse exame não tem validade, pois o exame indicado nesses casos é o PCR, que tem a mesma forma de coleta, porém com detecção diferente e mais segura do vírus.
É importante ressaltar que quem fez antígeno e procura a triagem terá que fazer o PCR da mesma forma.

No momento São Joaquim não teve registro de nenhum caso da nova variante Ômicron, se tiver com algum sintoma procure imediatamente a triagem, o horário de funcionamento é das 08h às 12h e das 13h às 17h.

Diante do aumento de casos a Secretaria Municipal de Saúde irá divulgar diariamente o boletim atualizado, será às 09h da manhã de cada dia, após a abertura de um novo dia de atendimento e fechamento do dia anterior, assim que volte a diminuir será divulgado apenas nas sextas-feiras ou se houver algo em destaque a qualquer dia.

“Achamos que a pandemia estava no fim, mas as festas de final de ano mostraram que ainda precisamos nos cuidar, manter as regras sanitárias de combate a Covid-19, usar máscara e higienizar as mãos com álcool em gel, destaca o Secretário da Saúde”, José Teodoro de Sena Amaral.