SEXTA-FEIRA 03/08/2018

 

TEMPO: O ingresso de ar quente e úmido transportado da região Amazônica (Jato de Baixos Níveis) em combinação com o aprofundamento de um cavado em superfície (região alongada de baixa pressão), favorece a formação de áreas de instabilidades ao longo de SC, com aumento de nuvens e chuvas ocasionais e eventuais trovoadas (raios) primeiramente nos setores do Oeste, Meio Oeste, Planalto Serrano melhorando gradualmente durante o turno da noite. O padrão de circulação de ventos frios e úmidos provenientes da região oceânica (circulação marítima) contribui na intensificação das instabilidades ao longo do território catarinense, favorecendo a formação de muitas nuvens carregadas com chuvas periódicas sobre boa parte do Litoral Norte, Grande Florianópolis e Vale do Itajaí. Pequenos intervalos de melhoria ocorrem ao longo de SC, onde há a possibilidade de aberturas de sol em pouquíssimas cidades. No Litoral Sul, segue com muitas nuvens, alternando com períodos de melhoria e com possibilidade de chuva fraca e mal distribuída a qualquer hora do dia. Algumas áreas do Litoral Sul, vão passar sem chuva, apenas com variação de nuvens.

►TEMPERATURA: Permanece amena ao longo do dia e sem muita elevação. Mínimas entre 11 a 14ºC no Oeste e Meio Oeste, 5 a 8ºC no Planalto Serrano e oscilando entre 12 a 15ºC entre a Faixa Litorânea e Vale do Itajaí. Máximas bem parelhas ao longo do território catarinense oscilando entre 15 a 18ºC. Alguns pontos do Oeste, Meio Oeste e topo da Serra, as máximas não passam dos 14ºC. Eventuais aberturas de sol ocorrem no Litoral Sul favorecendo temperaturas mais elevadas em torno de 18 a 21ºC.

►VENTO: Soprando do quadrante do quadrante nordeste a noroeste ao longo do estado de SC, com rajadas ocasionais de 35 a 40 km/h. Velocidade média entre 5 a 10 km/h.

► Piter Scheuer – Meteorologista – CREA/SC 154169-9