A Casan (Companhia Catarinense de Águas e Saneamento), contratou uma empresa para começar a perfuração do poço para suprir a demanda de abastecimento em São Joaquim.

Após um período de seca e estiagem grande, o projeto do “super poço” está sendo colocado em prática. A sonda e os equipamentos já estão sendo montados no local, que é próximo a barragem de captação de agua já existente.

Segundo o técnico responsável pela perfuração do poço, o contrato é de quatro meses de serviço, onde poderá ser perfurado até 900 metros para encontrar o aquífero Guarani.

O equipamento usado será uma sonda de perfuração ou Plataforma de perfuração que vai permitir a chegada até  o aquífero. Esse é um dos trabalhos da CASAN para diminuir os impactos da estiagem e secas na região.