O CDL  de São Joaquim, através de nota seguindo orientações da FCDL/SC, está monitorando as informações e a evolução da pandemia por COVID-19  junto às autoridades sanitárias e respeitando as decisões dos poderes municipais e estaduais.

Desta forma, orienta que o decreto Nº 515, assinado pelo Governador Carlos Moisés em 17 de março de 2020, seja respeitado em sua totalidade. De acordo com as determinações do estado, a partir de 18 de março, as atividades de serviço privado não essenciais e comércio em geral estão suspensas por 7 dias.

A Polícia Militar irá fiscalizar o comércio, que se não respeitar o decreto poderá ser multado e fechado.

Conversamos com o Presidente do CDL de São Joaquim onde explicou a situação, confira: