Na segunda-feira volta a chover ao longo do dia em SC. Na terça-feira passa uma frente fria associada a um centro de baixa pressão (ciclone extratropical) provocando temporais e principalmente ventania com acentuada queda na temperatura à noite. Quarta, quinta, sexta e sábado muito frio em todo o estado por conta de uma intensa massa de ar polar.

RISCO DE TEMPORAIS NA TERÇA-FEIRA!!!

Segunda-feira (29/06): Uma área baixa pressão atmosférica provoca a formação de muitas nuvens carregadas com previsão de chuva e trovoada isolada no decorrer do dia e noite em SC.

Terça-feira (30/06): O ingresso de uma frente fria em combinação com o fluxo de ar quente e úmido proveniente da região Amazônica e a formação de um centro de baixa pressão (ciclone extratropical) possibilitam na manutenção de áreas de instabilidades (nuvens carregadas), propagando pancadas de chuva com trovoadas (raios) e risco de temporais isolados no Oeste, Meio Oeste, Planalto Sul e Litoral Sul no decorrer do dia com menor chance nas outras regiões. Risco de tempestades (chuva forte, raios, granizo e ventania com danos – acima de 80/100 km/h). Entre o Planalto Norte, Litoral Norte, Vale do Itajaí e Grande Florianópolis, segue com sol e intervalos de muitas nuvens com chuva e trovoada entre a tarde e noite. Esquenta no Litoral e Vale do Itajaí em parte da tarde. Queda bem brusca da temperatura à noite. Vento de nordeste/noroeste pela manhã passando a tarde e noite para o quadrante oeste a sudoeste com intensidade moderada a forte e com rajadas acima dos 80/100 km/h (muita atenção ao topo da Serra onde as rajadas ficam acima dos 100/120 km. Risco alto de danos na rede elétrica em várias áreas de SC, especialmente no Oeste/Serra.

Quarta-feira (01/07): Persiste a condição de vento moderado a forte de oeste/sudoeste do Centro ao Litoral com rajadas acima dos 80 km. Maior atenção ao Topo da Serra e Costão da Serra no Litoral Sul e áreas próximas e topo da Grande Florianópolis onde as rajadas poderão passar dos 100 km (pontuais acima dos 120 km nas áreas mais elevadas da Serra). Risco alto de danos devido a ventania nestas áreas em especial a rede elétrica.

Não convém a navegação entre terça a sábado devido à forte agitação marítima e intenso vento no alto mar.