[dropcap]S[/dropcap]ão Joaquim tem muito a comemorar! Depois de muita luta e esforços, o plantão obstétrico comemora UM ano com vários nascimentos e marcas positivas no município. Tudo custeado pela parceria entre o Hospital e a Prefeitura.

O primeiro nascimento do programa “Nascer Bem em São Joaquim”, aconteceu no dia 12 de julho de 2018, de lá para cá vários partos e nascimentos foram registrados.

O serviço é de urgência e emergência obstétricas. Esse projeto visa atender gestantes oriundas do SUS (Sistema único de saúde), com o acompanhamento dos profissionais de saúde do programa.

Para que esse serviço pudesse acontecer, a Prefeitura passou R$ 150 mil reais para a associação Bento Cavalheiro, parte desse dinheiro será 80 mil para plantão e emergência e 75 mil  para aviso em obstetrícia . O Poder Executivo Municipal contou com a colaboração da Câmara de Vereadores para que essa lei fosse votada rapidamente, com a convicção que o serviço médico fosse habilitado o quanto antes.

O Prefeito Giovani Nunes demonstrou satisfação e comemorou pelo feito. “Em nome do Moisés, que foi o primeiro bebê que nasceu no plantão obstétrico, há um ano atrás, agrademos a Associação Beneficente, Bento Cavalheiro e a todos os colaboradores pela parceria com a Prefeitura Municipal. Agrademos também a Câmara de Vereadores que apoiou e votou a favor desta grande causa. Fomos à luta e conseguimos este feito tão importante no âmbito da saudade pública”, concluiu o Prefeito.

Hoje, os médicos que fazem parte do plantão são os obstetras Dr. Leonardo e Dr. Douglas, os pediatras Dr. Nestor. Dr. Henrique e Dra. Ingridi e os anestesistas a cargo da empresa MM serviços médicos.

 

Confira o levantamento dos atendimentos feitos neste um ano de funcionamento: