[dropcap]A[/dropcap] polícia Civil de São Joaquim, está apurando fatos de fake News que falam sobre casos de corona vírus na cidade. Dois assuntos tiveram repercussão na internet, onde causaram pânico e desconforto para muitas pessoas.

Segundo o delegado responsável, dois fatos que geraram tumultos serão investigados e os autores serão intimados. “Foram dois casos aqui, um de uma menor que eu apuro aqui, e o outro foi um rapaz que disse que estava com a doença e após a confirmação do exame deu negativo, ambos vão responder TC e ficarão à disposição da justiça” explicou Thiago Passos, Delegado da DEPCAMI de São Joaquim.

Será realizado um Termo Circunstanciado contra os autores para essa fake news, por falso alarma que gera (contravenção penal, art. 41 da Lei das Contravenções Penais). O artigo prevê que penas para quem provocar alarme, anunciando desastre ou perigo inexistente, ou praticar qualquer ato capaz de produzir pânico ou tumulto.

Os dois casos de São Joaquim já estão em investigação, ambos vão passar pela polícia civil e vão seguir para justiça, que lá deverá realizar os procedimentos cabíveis.

O que é Fake News

Apesar de parecer recente, o termo fake news, ou notícia falsa, em português, é mais antigo do que aparenta. Segundo o dicionário Merriam-Webster, essa expressão é usada desde o final do século XIX. O termo é em inglês, mas se tornou popular em todo o mundo para denominar informações falsas que são publicadas, principalmente, em redes sociais.

O que significa fake news?

Não é de hoje que mentiras são divulgadas como verdades, mas foi com o advento das redes sociais que esse tipo de publicação popularizou-se. A imprensa internacional começou a usar com mais frequência o termo fake news durante a eleição de 2016 nos Estados Unidos, na qual Donald Trump tornou-se presidente. Fake news é um termo em inglês e é usado para referir-se a falsas informações divulgadas, principalmente, em redes sociais.