Vários produtores de Maçã de São Joaquim, protestaram contra o valor da maçã, que foi pela empresa Fischer, alegando que o preço da fruta em 2018 é baixo e dará prejuízos.

TV NS – Produtores de Maçã protestam pelo preço baixo da fruta

TV NS – Produtores de Maçã protestam pelo preço baixo da fruta

Posted by Notiserrasc / Agência de Notícias e Fotojornalismo – Serra Catarinense on Thursday, May 3, 2018

Um grupo de produtores, depois de saber do preço baixo, se dirigiu até a AMAP (Associação de produtores de Maçã e Pêra) localizada em São Joaquim, para pedir ajuda. O intuito era redigir um ofício endereçado a Fischer, indagando o baixo valor da fruta.

Uma das organizadoras do protesto, a senhora Eliane Aparecida Amaral de Souza, fruticultora da localidade do Boava, reivindica melhorias no preço, pois afirmam que pomares terão prejuízos na região. “Teve pomar que não produziu o suficiente, muitas frutas não estão de qualidade adequada, pedimos que o preço seja justo pelo menos para cobrir os custos e que nos de vida e dignidade” menciona Eliane.

Para Ronaldo Padilha de Andrade, representante da localidade do Luizinho, explica que foram até a empresa Fischer e frisa que não está contente com o preço sugerido, os custos são altos e o preço é baixo. “Não vamos conseguir arcar com os custos, nos reunimos com os produtores para ver se conseguimos melhorar esse preço” afirma Ronaldo.

O presidente da AMAP, Rogério Pereira, o Pirata, se manifestou na rádio Difusora, onde comentou que enviou um ofício endereçado a Fischer, pedindo esclarecimentos e que a entidade fará o possível para amenizar o problema.