Na madrugada desta terça-feira (15) municípios da Serra Catarinense voltaram a registrar baixas temperaturas. Em São Joaquim, por exemplo, no Vale do Pericó, na divisa com Urubici, os termômetros marcaram 1, 7°C. Com ocorrência de geada fraca em pontos de baixadas. A terça, será de céu com sol e algumas nuvens passando a muitas nuvens a nublado no decorrer do dia na Serra Catarinense.

Para a quarta-feira (16), a previsão é de céu nublado passando a diminuir bem as nuvens no decorrer da tarde e noite. Pode ter chuva na madrugada e manhã, e ainda no fim do dia no norte do Estado, fraca e isolada. Temperatura em declínio, mais do Oeste ao Centro e Sul. Muito baixa no principalmente no topo da Serra no fim da noite. As podem chegar aos 9°C e 14°C na maior parte do Estado. Na Serra os termômetros devem marcar entre 2°C e 5°C, com possibilidades de geada. As máximas ficarão entre 14°C e 17°C nas cidades da Serra, informa o engenheiro agrônomo do Climaterra, Ronaldo Coutinho do Prado.

Na quinta-feira (17) uma massa de ar polar moderada a forte vindo o Rio Grande do Sul avança pelo Sul de Santa Catarina. As temperaturas baixa ao amanhecer. Previsão de temperaturas negativas entre -2°C e 1°C com geada forte na Serra Catarinense. As máximas não ultrapassam aos 12°C e 15°C.

Uma nova frente fria chega ao Estado na sexta-feira (18). Céu nublado a possíveis aberturas de sol, mais no leste do Estado. Chuva e possível trovoada isolada no decorrer do dia e noite em algumas regiões do Estado. Na Serra a previsão indica possibilidade de geada isolada com temperaturas mínimas entre 4°C e 7°C.

Frio intenso

De acordo com Coutinho, uma intensa massa de polar poderá entrar em Santa Catarina no decorrer de Sábado (19). Há previsão de frio intenso entre os dias 18 e 21 de maio de 2018. “Frio forte durante ao amanhecer, tarde e noite amenas a fria com temperaturas mínimas negativas no topo da Serra durante as madrugadas com geada ampla em SC” conta. Mas o ar polar depois do dia 20 de maio será muito mais intenso. Com possibilidade de geada forte no Sul do país.

Texto: CL Mais