No dia 28 de Fevereiro de 2018, o secretário da Infraestrutura Luiz Fernando Vampiro esteve em São Joaquim, onde anunciou uma obra de revitalização da estrada do Despraiado, com extensão de 15,180 km.

Estavam presentes naquela reunião, Paulo França (presidente do Deinfra), Solange Pagani (secretaria ADR), Toti Zandonadi (vice-presidente Amap), Marcelo Cruz de Liz (Gerente estação experimental Epagri), Stelio Boneli Porto (Presidente MDB) e Vilson da Rosa Cruz (gerente Infraestrutura ADR).

Foto no dia da ação da ADR São Joaquim e promessa de reforma da estrada do Despraiado. Foto: Mycchel Hudson Legnaghi / São Joaquim Online

Na matéria enviada pela assessoria de comunicação da ADR,  o secretário de Infraestrutura da época, Luiz Fernando Cardoso, o Vampiro, prometeu que a reforma da estrada sairia em 60 dias. “Além de cumprir um compromisso, fomos além, já que o presidente do Deinfra e futuro secretário da Infraestrutura, Paulo França, comprometeu-se com a reivindicação e assumiu que num prazo de 40 a 60 dias a obra se tornará realidade”, disse Vampiro.

Foram previstos Investimentos de R$ 1.073.894,21 no programa SC-Rural executado pela Secretaria da Infraestrutura. Desde a divulgação das informações, nenhuma máquina apareceu para início da obra, prometida pela antiga ADR e Governo de SC. Na ocasião, a ex-secretária Solange Pagani, enfatizou que a obra sairia, sendo uma das ultimas ações da antiga ADR, mas até o momento não foi realizada.

Para quem mora e transita pela estrada, seria uma ótima notícia, caso ela saísse realmente do papel. Para Luciane Soares, que mora em um sitio próximo a capela do Despraiado, caso a estrada estivesse realmente sido feita pela SDR e Deinfra, seria de grande importância para toda a população da região. “Pelo menos por enquanto e só promessa, para ser sincera não acho provável que aconteça, a tantos anos prometem e não cumprem” frisa a moradora.

Sobre a promessa de arrumar e até asfaltar Luciana desabafa. “Meu marido até riu! Disse que era só conversa, essa promessa ele não acreditava, eu como estou a pouco tempo até imaginei se estão postando quem sabe, mas até agora nada” finaliza a fruticultora Luciana.

Para o senhor Joaquim Manoel Martins, de 74 anos, que mora há 30  em um sítio as margens da rodovia,  ficou sabendo da notícia da reforma e até asfaltamento da estrada, no início ficou feliz, depois viu que poderia ser mais uma promessa. “Essas promessas vêm de tempo, acho difícil sair, até agora não saiu nada, a estrada é importante, o movimento é intenso, pois ali passam boa parte da produção de maçã de São Joaquim, não acredito mais em promessas” salienta.

O Estado

Em contato com o DEINFRA, na cidade de Lages, que administra as rodovias na serra, informaram que o assunto é tratado diretamente com o departamento em Florianópolis. Em ligação telefônica,  a assessoria de comunicação, explica que que o projeto para as obras na Estrada do Despraiado está concluído e aguarda licitação.

A Prefeitura

A Prefeitura de São Joaquim, realiza trabalhos periódicos na estrada, assim como em outras estradas do interior, com patrolamento, cascalho e compactação. Em um determinado momento, a Prefeitura colocou pedra brita em alguns pontos para melhorar a trafegabilidade.