[dropcap]F[/dropcap]alta pouco para o início do Campeonato Catarinense 2018. As equipes entram em campo no dia 17 de janeiro para dar o primeiro passo rumo a taça. Ao todo são dez clubes, com representantes do Oeste, da Capital, do Sul, da Serra e do Norte do Estado. O grande vencedor será decidido novamente em campanha de pontos corridos. Os dois melhores decidem o título em jogo único, dia 8 de abril, que contará com o sistema de vídeo-arbitragem.

Quem está confiante é a Chapecoense, que tenta o tricampeonato este ano e segue firme na Série A do Brasileiro. Já o Concórdia e o Hercílio Luz lutarão para se manter na elite, depois de um longo período na 2ª divisão.

Confira o retrospecto dos clubes no Campeonato Catarinense e como eles estão se preparando:

A bicampeã, Chapecoense, surpreendeu todo o Estado conquistando o segundo título cinco meses após a tragédia com o avião que vitimou quase toda a equipe na Colômbia. Além do Catarinense, a Chape inicia 2018 com presença garantida como único representante de SC na série A do Campeonato Brasileiro e na fase pré-grupos da Copa Libertadores. O time já apresentou reforços, com o destaque para o zagueiro Rafael Thyere, ex-Grêmio e Márcio Araújo, que até ano passado vestia a camisa do Flamengo.

Já o “Furacão do Estreito” tem um compromisso sério com o torcedor. Apesar de ser o clube que mais se sagrou campeão do Estado, o Figueirense assustou com um desempenho ruim no Campeonato Catarinense 2017. No segundo turno, a equipe teve o pior desempenho da tabela. Já treinando forte para a pré-temporada, o Alvinegro aposta em um ano melhor dentro de campo e busca firmar o goleiro recém-contratado, Neto Volpi.

Vice-campeão do Estadual no ano passado, o Avaí traz reforços para conquistar o título em 2018. No Campeonato Catarinense do ano passado liderou o primeiro turno com maestria e promete manter boa regularidade para trazer o caneco para o estádio da Ressacada, em Florianópolis, depois de seis anos. O time segue no comando de Claudinei Oliveira, que conquistou o torcedor depois da boa campanha no começo do segundo turno do Campeonato Brasileiro, onde terminou rebaixado.

O Tigre, único clube catarinense a conquistar o título de campeão da Copa do Brasil, com o comando do técnico Luiz Felipe Scolari, começou cedo a pré-temporada. Isso porque o time não levanta a taça desde 2013. Sem um bom retrospecto nos últimos campeonatos que disputou, o Criciúma tenta, este ano, manter uma boa regularidade. Tradicional, o antigo Comerciário quando entra em campo é sempre uma promessa de que vem com tudo para garantir um bom resultado.

O recordista de títulos vencidos consecutivamente no Estado, com oito no total, o Joinvilleviu a última conquista se esvair quando perdeu a final para a Chapecoense em 2016. E o JEC não quer perder mais um campeonato. A equipe se aquece para a pré-temporada em jogo-treino contra o Atlético-PR e vê 2018 como o ano para voltar a Série B do Brasileiro e brigar pelas principais disputas do país.

O representante da Serra Catarinense, Inter de Lages, começará o Campeonato estreando novo técnico, já conhecido da torcida, Leandro Niehues. Além disso,o clube traz vários reforços, como o goleiro David, ex-goleiro da Seleção Olímpica. Com um único título, conquistado em 1965, o Colorado Lageano vem aguerrido e tenta chegar perto da campanha de 2015, onde conseguiu a boa quarta colocação.

Um dos times mais novos de todo o Estado a jogar profissionalmente, o Atlético Tubarão, com apenas 12 anos conseguiu se manter na elite. Com a sede de vencer e permanecer entre os melhores, o Peixe entra com gana em campo e busca levar o título para casa, e vem embalado depois de conquistar a Copa Santa Catarina no final do ano passado. O clube segue buscando reforços para fazer bonito em 2018.

A surpresa do Catarinense 2017 foi o Brusque, que garantiu a quarta colocação na classificação geral. A comissão técnica, que prioriza a jovialidade da base para montar a equipe, já fez jogo-treino para testar a pressão sobre os garotos. O Bruscão conta com a garra do novo reforço da equipe, que esteve presente na subida do Londrina da Série D para a Série B do Campeonato Brasileiro.

Campeão do Campeonato Catarinense Série B do ano passado, o Concórdia já se prepara para a primeira fase. Para dar ritmo à garotada, o treinador, conhecido de muitas torcidas, Mauro Ovelha, colocou o time para disputar amistosos e jogos-treino e assim fazer os ajustes necessários. Além dos 14 jogadores campeões em 2017, outros atletas reforçam a equipe nesta pré-temporada para fazer bonito.

Você sabia que o Hercílio Luz foi o primeiro clube catarinense a disputar o Campeonato Brasileiro? Depois de algum tempo longe da elite, no ano em que completará 100 anos de tradição, o Leão do Sul volta à Série A trazendo reforços. Um deles veio de uma passagem pelo futebol da Eslováquia. Outra contratação importante é a do goleador Lima, que fez história no Joinville e pretende marcar muito pelo Hercílio.

Agora que você já sabe um pouquinho de como as equipes estão se preparando para o Campeonato Catarinense 2018, confira os primeiros confrontos:

Dia 17 de janeiro tem clássico no Sul do Estado. O Hercílio Luz enfrenta o Atlético Tubarão em jogo que deve ser disputadíssimo. O duelo mais complicado da rodada será entre Criciúma e Figueirense, que lutarão pelos três pontos no estádio Heriberto Hülse. Já o Concórdia deve receber a campeã do ano passado, Chapecoense, em um jogo que movimentará o Oeste. Na Serra, o Inter de Lages enfrentará o Avaí, no Vidal Ramos Júnior. E para fechar a tabela, o Joinville recebe o Brusque dentro de casa.

Fonte: RIC Mais