Ivan Nunes tem 23 anos, natural de São Joaquim, no quinto ano do curso de graduação em Medicina pela Universidade Federal de Santa Catarina – Campus Florianópolis. Será o Colunista de Saúde aqui no NotiserraSC!

 

PRECISAMOS FALAR SOBRE SUICÍDIO

 

 


O mês de setembro é marcado pela conscientização e prevenção do suicídio através da campanha ‘‘Setembro Amarelo’’. Anualmente cerca de 800 mil pessoas tiram a própria vida, e para cada suicídio efetuado, existem um número muito maior de tentativas por trás. Dados da OMS apontam que nove em cada dez óbitos por suicídio poderiam ser evitados com ajuda e atenção adequada.

São Joaquim conta com uma boa parcela da população vivendo em área rural.
Populações de áreas rurais com maior exposição a agrotóxicos e agentes químicos são
caracteristicamente uma população de risco para o suicídio.

Contudo, o problema é complexo, real e afeta indivíduos de todas as classes sociais,
gênero, cor, idade e de diferentes origens. O preconceito em torno de transtornos mentais
como depressão e pensamentos de suicídio, leva muitas pessoas com pensamentos
negativos sobre a própria vida a não procurar ajuda.

Ter consciência e sensibilidade para compreender o suicídio como um problema grave de
saúde pública é fundamental para uma melhor prevenção.

Se você conhece alguém que mudou repentinamente os hábitos, perdeu interesse nas
atividades que gostava de realizar, não consegue trabalhar ou estudar, anda descuidado
com a aparência/higiene, tem alterações no sono ou apetite, e usa frases como ‘‘ preferia
estar morto’’, ‘‘ quero sumir’’, pergunte o que está acontecendo. Ofereça ajuda,
compreensão e carinho.

Quem tira a própria vida tenta se livrar do sofrimento e dor que parecem não ter fim.
Ofereça ajuda e busque orientação médica.